Edição nº 758 de 20 de Novembro de 2017

Alberto Silva, presidente da Acredipe, fala-nos do corso de Carnaval de 2017: ‘Muita animação e umas piadinhas’


2017-02-25

Alberto Silva, de 59 anos de idade, residente nas Pedrosas é o presidente da Acredipe, a associação cultural, recreativa, desportiva e social das Pedrosas, que desde os finais dos anos 90 tem vindo a organizar um corso carnaval que se desloca anualmente à vila de Sátão.

Este corso tem, todos os anos, atraído ao jardim municipal, em frente aos paços do concelho, milhares de pessoas e, igualmente, este ano irá mais uma vez sair à rua, no dia 28 de fevereiro à tarde.

Foi a propósito desta iniciativa recreativa que envolve centenas de pessoas das Pedrosas que quisemos ouvir Alberto Silva, presidente da associação Acredipe fundada no ano de 1987, em maio.

 

Dão e Demo: Desde que ano é que o Alberto Silva é presidente da Acredipe?

Alberto Silva: Desde 2006.

DD: Em que ano a Acredipe começou a organizar Carnaval das Pedrosas?

AS: As Pedrosas sempre festejaram o Carnaval, mas foi em finais de 90 que a Acredipe começou a organizar mais a sério.

DD: Como surgiu esta ideia?

AS: Foi uma ideia espontânea que começou com uma brincadeira.

DD: Ainda se lembra desse primeiro cortejo?

AS: Não. Estava na Suíça.

DD: Tem sido difícil mobilizar as pessoas das Pedrosas ano após ano para participar neste evento que anima e enche de pessoas as ruas de Sátão?

AS: Sim, por vezes tem sido. Cada ano que passa vão surgindo mais dificuldades. Felizmente temos uma boa equipa e vários forasteiros têm participado.

 

“O corso carnavalesco de 2017, se tudo correr como previsto, irá ter muita animação e umas piadinhas.”

 

DD: Como vai ser o corso de 2017? O que nos pode antecipar?

AS: O corso carnavalesco de 2017, se tudo correr como previsto, irá ter muita animação e umas piadinhas.

DD: Com que apoios têm contado?

AS: Com o apoio da Câmara Municipal e da Junta de Freguesia de Sátão e, igualmente, temos tido diversos patrocínios.

DD: Vamos continuar a ter corso de carnaval das Pedrosas até quando?

AS: É difícil responder a essa questão, mas penso que é para melhorar ano após ano e que vai durar por muitos anos.


Partilhe:

© 2017 Dão e Demo - Todos os direitos reservados